domingo, 20 de junho de 2010

Devaneando e xingando

Eu pensava que chegaria aos 18 anos, me sentiria muito adulta e toda a confusão sumiria. Não tinha muitas dúvidas de que aconteceria, sabe? Era o motivo secreto de a idade 18 ser tão especial, um dos segredos do mundo que eu havia desvendado bem cedo (I'm a genius).

Meio estranho isso: muito está resolvido e apesar de ainda haver muita confusão, há uma calma interna que me era desconhecida. Eu sei que não sei e pode ser que nunca saiba, mas não é algo que me incomode tanto. Por que a gente passa toda uma adolescência se preocupando com isso?

Enfim, momento de tranquilidade mil. Bem diferente de hoje cedo, quando xinguei com a boca mais suja do mundo todos aqueles jogadores da Costa Do Marfim que estavam espancando nossos meninos em campo. O árbitro, então...deve ter sentido a ira de uma nação mesmo que à distância. Isso que dá expulsar quem não fez nada! Não mexa com o Kaká, humpf.

Devaneando.

Vi Badmaash Company hoje...fiquei feliz, apesar da barulhada que estava aqui em casa.

Devaneando.

Até!

Ouvindo agora:

Nenhum comentário: