quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Seu Rahman

Você sabe quem é A.R. Rahman?Vou mostrar:



É esse mocinho indiano com cara de sapo.Ele é responsável por uma certa frase que quase já virou grito de guera...JAI HO!Sim, o responsável pela trilha sonora de Quem Quer Ser Um Milionário, filme fófis de 2008.Não tinha pretensão alguma de escrever sobre ele até 10 minutos atrás, quando comecei a cantar loucamente uma das coisas mais geniais que já ouvi: a trilha de Lagaan.

Lagaan é um filme indiano de sei lá que ano, tem umas 3 horas e 20 minutos de duração e concorreu ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.Sou profundamente apaixonada por sua trilha sonora pelo simples fato de ela ser mágica.Nela se ouvem sonzinhos de tudo que é instrumento, quando a escutei pela primeira vez(assistindo ao filme) fiquei com a impressão de que ela era feita por todos os sons da vida.Deu pra entender o que quis dizer?A música de Lagaan tem uma vida própria, tem todos os sons mais diversos que juntos acabam fazendo uma mágica.Observe o vídeo a seguir, as cores e sons explicam tudo:





Percebeu os sons?É tudo tão lindo, tão fantástico!A trilha do Quem Quer Ser Um Milionário foi minha primeira experiência com o trabalho de A.R. Rahman, e me lembro de que quando fui procurá-la li muitos comentários de fãs dele dizendo para que as pessoas procurassem seus trabalhos anteriores, pois a trilha do QQSUM nem chegava perto do que A.R. podia fazer.Conhece o termo "síndrome de underground"?Eu achava que era isso; ou melhor, tinha certeza.Estamos sempre vendo por aí pessoas se irritando quando seus artistas favoritos ficam conhecidos demais.Já sabe que me enganei, não?Aquelas pessoas eram sinceras...o homem faz umas coisas sensacionais!É certo que às vezes ele faz umas cagadas estilo Ghajini só pra não dizemos que sua obra é toda perfeita, mas aí ele surge com uma trilha Jodhaa Akbar da vida para nos lembrar que o que ele faz é a-ha-zar, baby.

Esta me faz chorar de emoção(and I cry and cry and cryyyy a little more):



Amo música e essa foi minha dica da vez.Se gosta de coisas novas, vale a pena investir no Mr. Jai Ho!


5 comentários:

Ibirá Machado disse...

Jai Ho, Carols, Jai Ho. E eu que tinha certeza que a trilha de Devdas fosse dele, de tão boa que ela é. Associar trilhas boas ao Rahman é a mesma coisa que saber que se está de dia é porque a luz do sol chega na Terra. Mas Devdas não é dele; acho que houve algum lapso aí!

Carol disse...

Acho que nunca na vida pensei na trilha de Devdas como dele o.o Sei lá porque disso, realmente é uma coisa que faria sentido se pensar.

Gente, que poética maneira de falar do sapinho.Muito bem!

Luene® disse...

Passando rápido...rapidex....

só para dizer que adorei a nova lay! Não li o post, mas retorno com mais tempo...as aulas voltam dia 18 e estou correndo amiga!! tenho que deixar tudo preparado para meus amores!!

atualizei o Planeta (rs), e tenho um outro blog também, vem me visitar lá...


http://sorvete-colore.blogspot.com

Beijos =)

Laura disse...

O primeiro video é muito legal, mas essas cantoras tem uma voz tão fininha...>.<
Eu me apaixonei pelo segundo! É tão mistíco! *-*
Chorar eu não chorei, mas admito que fiquei tocada o.o

Filmes indinanos não são lá o meu estilo, mas se tiver outro musical desse por aí, pode mandar!

Carol disse...

Laura, eu também tinha problemas com as vozes delas.Não sei até hoje se realmente comecei a gostar ou se apenas me acostumei :P

O primeiro vídeo me ganha principalmente pela brincadeira toda entre os dois atores da canção e pelas cores.E a música também, claro :-)

O segundo me faz chorar porque além de ser lindo, eu vi no contexto do filme.E é um momento do filme em que a gente está tão na paz, sentindo que o mundo está bonito e equilibrado!Aí veio a música e arrematou o momento.

Lâlu(de onde vc tirou isso?), filmes indianos também não eram NADA o meu estilo.Aí o meu estilo se expandiu :D E mandarei mais, especialmente os que eu achar que vc possa gostar! \o/

Dona Lu, já vou atrás da senhorita! :O